Em missa padre chama Bolsonaro de bandido e diz que quem votou nele pecou - Front catolico

Em missa padre chama Bolsonaro de bandido e diz que quem votou nele pecou



O padre Edson Adélio Tagliaferro, pároco da Igreja Matriz Nossa Senhora das Dores, ao falar sobre os mortos pela Covid-19 não poupou palavras para definir o presidente Jair Bolsonaro como “bandido” e cobrar retratação de seus eleitores pelo voto feito na última eleição.

“Bolsonaro não presta. Ele não vale nada. E quem o elegeu tem que se confessar para pedir desculpas pelo pecado que cometeu, porque elegeu um bandido para presidente”, disse, em vídeo que viralizou nas redes sociais


0 comentários via Blogger
comentários via Facebook

Footer

Tecnologia do Blogger.