Em missa padre chama Bolsonaro de bandido e diz que quem votou nele pecou



O padre Edson Adélio Tagliaferro, pároco da Igreja Matriz Nossa Senhora das Dores, ao falar sobre os mortos pela Covid-19 não poupou palavras para definir o presidente Jair Bolsonaro como “bandido” e cobrar retratação de seus eleitores pelo voto feito na última eleição.

“Bolsonaro não presta. Ele não vale nada. E quem o elegeu tem que se confessar para pedir desculpas pelo pecado que cometeu, porque elegeu um bandido para presidente”, disse, em vídeo que viralizou nas redes sociais


Postagens mais visitadas deste blog

Saiba o que são pecados mortais e quais são os mais comuns

Morreu nessa quarta aos 54 anos de covid-19 padre da Paróquia São João Batista

LUTO:Faleceu na madrugada dessa quarta padre da paróquia Nossa Senhora,vítima de covid-19