LUTO:Padre Antônio José é encontrado morto em estrada rural em MG - Front catolico

LUTO:Padre Antônio José é encontrado morto em estrada rural em MG




O padre Antônio José Gabriel, de 72 anos, foi assassinado. A polícia prendeu três homens, suspeitos de terem cometido o crime para trocar o veículo da vítima por drogas. O pároco atuava no município de Santo Antônio do Aventureiro, localizado na Zona da Mata mineira, e estava sendo procurado desde o último domingo (17).

O padre saiu de casa no último sábado (16) e teve o último contato com a família, por telefone, na tarde de domingo. Após o desaparecimento, os policiais foram acionados e foram até a cidade de Pirapetinga, onde o sinal do celular de Antônio foi localizado pela última vez, no domingo.

Na região, os policiais encontraram o veículo da vítima, em posse de um jovem de 21 anos. Com o homem também foram encontrados o celular e o relógio do padre. Após o reconhecimento dos objetos, o homem indicou a localização do corpo do padre. O corpo foi encontrado em uma mata na Zona Rural, na estrada que liga os municípios de Recreio a Santo Antônio de Pádua, Rio de Janeiro.

Outros dois suspeitos de participação no crime, de 20 e 30 anos, foram localizados e detidos pelos policiais. Segundo a corporação, os três homens teriam tentado trocar o carro da vítima por drogas após o crime. As investigações continuam em andamento com a análise de imagens de câmeras e a necropsia realizada pelo Instituto Médico Legal.

Homenagens

Antônio José Gabriel foi ordenado padre da Diocese de Leopoldina em 21 de abril de 1994, na Igreja Santa Rita de Cássia, em Além Paraíba. Recentemente havia celebrado 26 anos de vida sacerdotal. Por meio de nota, a Diocese de Leopoldina lamentou a notícia do falecimento do padre e desejou conforto a família.
“Roguemos ao Senhor da vida, para que em sua infinita misericórdia receba o Pe. Gabriel e console a todos os seus familiares, paroquianos e amigos, que choramos a sua perda”, publicou.

Além da presente atuação como padre, o pároco também desenvolveu uma carreira acadêmica. Possuía mestrado em Filosofia pela Puc RJ e doutorado em Teologia pela mesma Instituição. Trabalhou muitos anos na Universidade Federal de Juiz de Fora, como professor, secretário e posteriormente chefe do Departamento de Ciência da Religião.
O jornalista Chico Pinheiro destacou ainda a luta por Justiça Social e Direitos Humanos do padre e a atriz Patrícia Pillar também lamentou a perda nas redes sociais

0 comentários via Blogger
comentários via Facebook

Footer

Tecnologia do Blogger.