O Brasil é novamente consagrado ao Sagrado Coração aos pés do Cristo vestido de médico - Front catolico

O Brasil é novamente consagrado ao Sagrado Coração aos pés do Cristo vestido de médico



 Neste domingo de Páscoa, 12 de abril, o Cardeal Arcebispo do Rio de Janeiro, Dom João Orani Tempesta, renovou a Consagração do Brasil ao Sagrado Coração de Jesus diante do Santíssimo Sacramento exposto, numa cerimônia transmitida pelos meios de comunicação, sem a presença do povo, devido às medidas de contenção da pandemia do Covid 19.
O Cristo também se iluminou para agradecer aos profissionais de saúde que têm trabalhado em favor dos enfermos que contraíram a doença no Brasil.
El Cristo Redentor de Río de Janeiro fue iluminado con un traje de médico como signo de agradecimiento a todo el personal de salud que está frente a la batalla de esta pandemia.
View image on TwitterView image on Twitter
577 people are talking about this
“Como meu predecessor, Cardeal Dom Sebastião Leme, subo como peregrino esta montanha para, trazendo no coração de pastor, as angústias e esperanças do nosso povo, renovar a consagração realizada há noventa anos e muitas vezes renovada no decorrer desses decênios.
Ele consagrou o Brasil ao Vosso Sagrado Coração. Trago comigo o povo de nosso país que clama por dias melhores e sonha por novos tempos”, afirmou o arcebispo do Rio de Janeiro, na noite deste Domingo de Páscoa, no Santuário do Cristo Redentor.
Já na segunda-feira, 13, durante a Oração do Regina Caeli, que Dom Orani tem realizado diariamente às 12h, o arcebispo fez memória de outras iniciativas importantes que aconteceram neste domingo de Páscoa, como a consagração da América latina e do Caribe a Nossa Senhora de Guadalupe. “Como nas Bodas de Caná, rogamos a intercessão de Nossa Senhora para que peça a Jesus por nós”, sublinhou.
Também neste domingo de Páscoa, às 15h, no mesmo momento em que o reitor do Santuário do Cristo Redentor, Padre Omar Raposo, sobrevoou a cidade com o Santíssimo Sacramento, o cardeal conduziu um momento de oração pelos estúdios da Rádio Catedral, a emissora oficial da Arquidiocese do Rio pedindo pelos enfermos.
“O Santíssimo Sacramento foi em procissão aérea pelas principais regiões da cidade e a presença de Cristo abençoou as pessoas. Jesus é aquele que confiamos nossa vida, que Ele nos olhe e nos salve. Queremos bendizer o Senhor, somos pessoas de esperança pelo fato de termos encontrado Jesus Vivo e Ressuscitado. Assim como os discípulos de Cristo, nós somos chamados a testemunhar. Cristo ressuscitou e por isso é possível olhar com serenidade para tudo o que acontece em nossas vidas, inclusive para os momentos mais difíceis.
A última palavra não foi o túmulo fechado, mas o encontro com o ressuscitado. Também hoje somos chamados a encontrá-lo e enxergá-lo presente”, incentivou o cardeal.
Homenagem aos profissionais de saúde no Corcovado
No ato de consagração do Brasil ao Coração de Jesus, Dom Orani fez eco à realização de seu antecessor, o terceiro arcebispo do Rio, Cardeal Sebastião Leme, ao inaugurar o monumento do Cristo Redentor, no dia 12 de outubro de 1931. Dom Orani fez a mesma oração, dando destaque ao que Dom Sebastião disse no dia: “Cristo vence, Cristo reina, Cristo impera”.
Antes da oração, a estátua do Cristo Redentor foi “vestida” por um jaleco branco e iluminada com diversas imagens de profissionais de saúde. Em diversos idiomas a palavra “Obrigado” simbolizou o agradecimento a todos que estão cuidando dos enfermos nesta época de emergência sanitária. Por sua parte, Dom Orani assegurou aos médicos e profissionais da saúde que “Todo o povo está rezando por eles”.
Confira a íntegra da Oração do Cardeal Tempesta:
Consagração aos pés da imagem do Cristo Redentor
12 de abril de 2020
Domingo de Páscoa
“Senhor Jesus, Salvador e Redentor nosso, verdadeiro Deus e verdadeiro homem, que sois para o mundo a única fonte de luz, de paz, de progresso e de felicidade.”
Como meu predecessor, Cardeal Leme, subo como peregrino esta montanha para, trazendo no coração de pastor, as angústias e esperanças do nosso povo, renovar a consagração realizada há noventa anos e muitas vezes renovada no decorrer desses decênios. Ele consagrou o Brasil ao Vosso Sagrado Coração. Trago comigo o povo de nosso país que clama por dias melhores e sonha por novos tempos.
Hoje, novamente, subimos a este “monte pascoal” e vos consagramos a Terra de Santa Cruz (como foi chamada já naquela 4ª feira de Páscoa de 1500). Hoje é Domingo de Páscoa: acolhemos a maior notícia já veiculada no mundo: a morte foi vencida e estais ressuscitado no meio de nós, Aleluia! E para que esta consagração seja realmente eficaz e duradoura, também renovamos hoje, aqui aos vossos pés, as promessas do nosso batismo.
Ó Cristo Redentor dos homens, já se passaram dois mil anos de quando, abrindo vossos braços clamastes em alta voz: “Vinde a mim, todos vós, e eu vos aliviarei! Aprendei de mim que sou manso e humilde de coração!” (cf. Mt 11, 28-30).
Para sinalizar que esse país Vos reconhece como seu único Rei e Senhor foi aqui neste alto entronizada esta vossa imagem, de braços abertos sobre a Baía da Guanabara, sobre o Brasil e sobre o mundo repetindo o mesmo convite: “Vinde a mim! Aprendei de mim!”
Aqui viemos Senhor, neste local simbólico para nosso país, para trazer nossas vidas e sonhos. Por isto, neste momento tão difícil que passa nosso povo, venho neste Solene Domingo de Páscoa, prostrado aos vossos pés, junto com o todo o povo clamar: “Eis-nos aqui, Senhor!”, venha em nosso auxílio e salvai-nos!”.

Sim, nós brasileiros queremos, mais uma vez, nos abrigar debaixo da proteção de vossos braços, entregar-nos ao Vosso Sagrado Coração, manso e humilde, e depositar em Vosso lado aberto, que é fonte de salvação, a súplica pela proteção de nossas famílias e lares.
Reconhecemos nossas infidelidades mas confiamos na vossa misericórdia e nos colocamos solidários com todos, especialmente com os que passam pela tribulação e os que sofrem com a doença, a miséria e a fome.
Nosso povo solidário demonstra seu coração generoso, em meio a tantas dores, partilhando uns com os outros o necessário para a vida, especialmente a esperança de um amanhã melhor, porque confiamos totalmente em Vós e sabemos que não seremos decepcionados. Somos um povo de esperança que se traduz em atitudes de caridade porque temos fé.
Nestes tempos de pandemia, são tantos os brasileiros que devem permanecer em casa, e também outros que devem sair para trabalhar, especialmente nos serviços essenciais, como, por exemplo, os serviços de saúde: a todos Vos suplicamos que proteja com seu divino amor. Nós nos aconchegamos no seu Coração com todas as nossas famílias.
Senhor Jesus Cristo, Redentor do mundo, diante da vossa imagem, símbolo de nossa nação eis aos vossos pés o Brasil, a Terra de Santa Cruz, que novamente se consagra solenemente a vosso Coração Sacratíssimo e vos reconhece, para sempre, por seu único Rei e Senhor”, a fim de obter dias seguros com vida em abundância, segurança e paz constante.
Jesus, desde lugar, o alto do Corcovado, Santuário Arquidiocesano, nós Vos pedimos abençoai o nosso Brasil!
Abençoai o Mundo e livrai-nos de todos os males!

Assim seja para sempre,
Amém.

0 comentários via Blogger
comentários via Facebook

Footer

Tecnologia do Blogger.