Nas mãos de Deus:Padre oferece estacionamento gratuito em troca de orações - Front catolico

Nas mãos de Deus:Padre oferece estacionamento gratuito em troca de orações



Farto de ver carros mal estacionados perto da igreja ou sem pagar estacionamento, o pároco de Avezzano, na província de L"Aquila, em Itália, criou um novo tarifário para o estacionamento paroquial.

Por uma hora de estacionamento, o condutor deve rezar "dez Avé-Maria", por duas horas "vinte Avé-Maria" e assim sucessivamente até às 5 horas em que deve rezar "um Santo Rosário".
Uma situação curiosa ocorreu na região italiana de Abruzzo , onde um padre decidiu oferecer estacionamento "gratuito" para que mais pessoas fossem à sua igreja.
Conforme relatado pelo The Sunday Times , é  Vincenzo De Mario , um padre de 65 anos que instalou uma placa de estacionamento fora de sua igreja , mas cujo método de pagamento não é cartões nem dinheiro, mas nada mais ou nada menos que Orações
A curiosa oferta oferece estacionar o veículo por uma hora em troca de dez Ave Maria, duas horas em troca de 20 Ave Maria e cinco horas por um Santo Rosário.
Em vez disso, quem estacionar por 15 minutos ou menos deve fazer uma Ave Maria, a Oração do Senhor e uma breve oração.


Davanti alla parrocchia della Madonna del Passo di il parcheggio si paga con la preghiera. La sosta di un’ora costa 10 Ave Maria, quella di due ore 20 Ave Maria e così via fino alle 5 ore. Un quarto d’ora: un Padre Nostro.

Ver imagen en Twitter

16 personas están hablando de esto
"A participação na igreja está em declínio e estamos procurando uma maneira de trazer as pessoas de volta ", disse De Mario ao meio de comunicação, garantindo também que o estacionamento na área seja bastante escasso e que oferecer estacionamento em troca de orações seja Uma boa idéia para atrair paroquianos.

Por outro lado, quando perguntado sobre como ele verificará se as pessoas realmente pagam as "taxas" solicitadas, o padre disse que ele não fará esse trabalho, mas que "o Senhor e a Virgem Maria terão controle" disso

0 comentários via Blogger
comentários via Facebook

Footer

Tecnologia do Blogger.