Filho de Macedo é condenado a pagar 40 mil por humilhar massagista:"Gorda falei pra ela sair de mim" - Front catolico

Filho de Macedo é condenado a pagar 40 mil por humilhar massagista:"Gorda falei pra ela sair de mim"



O juiz Marcelo Augusto de Oliveira, da 41ª Vara Cível do Foro Central Cível de São Paulo,  condenou Moysés Macedo (foto antiga), filho do bispo Edir Macedo, a pagar R$ 40 mil a uma massagista por danos morais. 

Em agosto de 2019, de acordo com a acusação, Moysés, que é cantor gospel, humilhou uma massagista da TV Record, emissora de seu pai, por estar descontente com o serviço dela.

No Twitter, ele escreveu: "Massagem com uma puta baiana e agora tô com nojo", "Gorda falei pra ela sair de mim e disse: boa sorte na sua carreira", "Não recomendo que ninguém faça massagem na record e se for fazer cuidado com (nome da funcionária)", "Ela tem aids”.

A emissora demitiu a funcionária.

O advogado do filho de Edir Macedo disse que o seu cliente não se lembra de ter feito massagem na Record e que, por isso, a suposta mensagem publicada por Moisés no Twitter é inverídica.

O advogado vai recorrer da sentença, caso o cantor não resolva fazer um acordo com a massagista para que o caso não se estenda, o que seria de interesse de seu pai, cuja exposição na imprensa causaria desgaste à imagem do bispo e da Igreja Mundial.

Moysés passa a maior parte do tempo nos Estados Unidos.

Há mais de dez anos, as novelas “Os Mutantes” e “Chamas da Vida”, da Record, usou como trilha sonora músicas de Mikefoxx, pseudônimo então de Moysés.

Em 2011, Moiyses simulou em seu canal no Youtube uma masturbação.

Em seu perfil escreveu na época em inglês que é 'o príncipe da máfia'.

Com informação de Jota e de outras fontes e foto de Moyses encontrada na rede social
0 comentários via Blogger
comentários via Facebook

Footer

Tecnologia do Blogger.