Covardia:Após ataque, grupo feminista espalha boato gravissimo contra Pe Marcelo Rossi na internet - Front catolico

Covardia:Após ataque, grupo feminista espalha boato gravissimo contra Pe Marcelo Rossi na internet



 

 

Mensagens com vídeo que mostra ataque real ao religioso circulam em redes sociais ao lado de mensagens que dizem que ele fez discurso contra mulheres. Na verdade, parentes da agressora alegaram que ela tem problemas psiquiátricos.

 

 

Circula pelas redes sociais mensagem em espanhol que diz que a mulher que empurrou Padre Marcelo do altar agiu depois que o sacerdote disse em seu discurso que as mulheres gordas não vão para o céu. A mensagem é #FAKE.


selo fake — Foto: Arte/G1  
Consultada pelo Fato ou Fake, a assessoria do Padre Marcelo informou que "é claro que as informações contidas na mensagem são mentira. "
A mulher que empurrou Padre Marcelo foi encaminhada para a delegacia de Lorena e prestou depoimento. Os acompanhantes da mulher que empurrou o padre informaram à polícia que ela sofre de transtornos mentais.


O histórico do boletim de ocorrência registrado na delegacia de Cachoeira Paulista não cita qualquer motivação da agressora. O caso foi registrado como lesão corporal, de acordo com a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo.
Após ser ouvida na delegacia, a mulher passou por atendimento junto à equipe médica e social da organização do evento. Foi feito contato com o médico da mulher no Rio de Janeiro e, de fato, ela está em tratamento psiquiátrico.
Apenas um dos posts com a mensagem falsa no Facebook alcançou 80 mil visualizações. No Twitter, a mensagem foi retuitada 20 mil vezes e teve mais de 60 mil curtidas.





A falsa mensagem diz:
"Un sacerdote ultracatólico y misógino de Brasil dijo en uno de sus vomitivos discursos que las "mujeres gordas no van al cielo" y una chica le empujó al vacio en plena misa delante de todos sus sectarios feligreses. No todas las heroinas llevan capa!!!" 




0 comentários via Blogger
comentários via Facebook

Footer

Tecnologia do Blogger.