ALERTA:ANTICONCEPCIONAL É UM VENENO - Front catolico

ALERTA:ANTICONCEPCIONAL É UM VENENO



 
 
 
No Facebook a internauta Carolina Ferreira Yuki deu um depoimento impressionante sobre os anticoncepcionais
 
 
ANTICONCEPCIONAL É UM VENENO
No dia 12 do mês passado, eu acordei com dor de cabeça. Terça. Quarta, é só uma dorzinha, toma uma Neosa que já já passa. Quinta. Sexta. Sábado. Fui num casamento, doeu, mas ia passar. Domingo, putz, deve ser sinusite, tava doendo bastante. Segunda, 6h, acorda, bora pro médico. “Oi doutora, acredito que eu esteja com sinusite, nunca tive, mas dói na parte dos olhos”.

Sorte de encontrar essa médica, que me pediu uma tomografia para descartar possibilidades. Opa, tem uma alteração aqui. “Vamos repetir o exame só que com contraste”. É, realmente existe alguma alteração, mas ainda não dá pra saber o que é. “Você vai internar pra fazer uma ressonância”. Nervosismo, mas ok, vamos ver. “Vamos internar na UTI”. Choro, desespero e agora? “Calma, é só precaução e protocolo do hospital”. Novo exame, mais preciso. Dia seguinte sai o laudo: trombose venosa cerebral. No início, não desespera, mas é na cabeça, e com cabeça não se brinca.


11 dias internada, mais de 20 picadas, anticoagulante diariamente, muitos cuidados e um tratamento de pelo menos 12 meses pela frente (por ser na cabeça o tratamento é mais longo). Ainda não saíram todos os resultados, ainda se avalia se tenho alguma tendência genética (ainda que ninguém da minha família nunca tenha tido nada), mas um fato é: o anticoncepcional potencializou qualquer risco que eu poderia ter de desenvolver uma trombose. E se não há tendência genética, ele foi o único culpado (muitas pessoas desenvolvem trombose apenas por conta do uso do AC).


Sim, eu comecei a tomar Diclin em 2015. Fluxo regulado, método “seguro”, 1 comprimido por dia e tudo certo. Já passei em diferentes ginecologistas e NUNCA fui alertada dos riscos. Sempre li alguns relatos de garotas que desencadearam trombose por conta do AC, mas sempre pensei: ah, isso não vai acontecer comigo, não vou fazer parte dessa estatística. E fiz, tô fazendo aliás.
Hoje o meu alerta é pras mulheres que tomam anticoncepcional (marca e tempo de uso não impactam nisso, é a bomba de hormônio na corrente sanguínea): conversem com seus médicos, façam exames, ouçam os sinais do seu corpo, se cuide. Eu tive MUITA SORTE de ter tido uma dor de cabeça como sinal, de ter dado atenção e procurar por um médico. Poderia ter sido muito pior. Existem outros métodos além do anticoncepcional, busque saber, não faça esse mal com o seu corpo. Eu já fui do time que amava AC e sempre achei que nada aconteceria comigo. Hoje eu tô do outro lado e PRECISO FAZER ESSE ALERTA.
Ah, e eu tô super bem, sem sequelas, de volta as atividades normais, seguindo com meu tratamento e acompanhamento com meus médicos que tive a sorte de encontrar no caminho! Na foto, euzinha comendo lanchos grátis no hospital #euamolanchos
Edit1: eu sei que existem casos e casos. Tem gente que tem problemas como ovário policístico e só o anticoncepcional ajuda. O meu alerta é um incentivo para as mulheres buscarem saber o que estão ingerindo, questionarem seus médicos e fazerem exames.


Edit2: eu tomei Diclin, mas reforço que a marca pouco importa. O que pode causar o coágulo no sangue é a bomba de hormônio ingerida, isso em qualquer anticoncepcional.
Edit3: leiam os comentários, há muitos relatos!
Edit4: reforço que não sou médica e fiz o post com o intuito de alertar as mulheres a começarem a questionarem seus médicos e entenderem de fato o que estão ingerindo.
Edit5: algumas mulheres relataram que existem outras soluções para quem tem ovário policístico, vale a pena pesquisar
Edit6: não é porque você tem dores de cabeça que você tem o mesmo que eu, mas é importante ir atrás pra descobrir o que é e se cuidar!







0 comentários via Blogger
comentários via Facebook

Footer

Tecnologia do Blogger.