"Padre e arcebispo pedem que fiéis não façam compras e se puderem não trabalhem na Sexta-Feira Santa" - Front catolico

"Padre e arcebispo pedem que fiéis não façam compras e se puderem não trabalhem na Sexta-Feira Santa"





Em uma postagem em sua página no facebook, o padre Ricardo Arica, do Santuário Nossa Senhora Aparecida, em Campo Mourão, pediu que os fiéis abstenham-se de fazer compras nesta Sexta-Feira Santa. Além de feriado previsto na legislação federal, para a igreja católica a Sexta-Feira Santa deve ser um dia de recolhimento interior, dedicado a oração e penitências. 


“Vamos conservar a Sexta-Feira Santa como um dia de recolhimento e oração. Não dêem lucros aos comércios neste dia. Não vamos dar lucro sobre um dia tão forte para todos nós. Portanto, se organizem para comprarem na quinta ou no sábado. Digam não ao comércio neste dia Santo”, conclamou o padre. A postagem rendeu diversos comentários de fiéis concordando com a recomendação.
O padre Ricardo, porém, não foi o único a fazer esse tipo de manifesto. O arcebispo de Maringá, Dom Anuar Batisti, também orientou os católicos da arquidiocese a não comprarem e ainda criticou a abertura de shoppings e mercados. “Como pastor do povo católico peço respeito aos funcionários que desejam participar dos momentos litúrgicos. O que nos causa perplexidade é que no Carnaval muitos desses estabelecimentos estavam fechados e vão abrir na Sexta Santa, ponto alto da nossa fé cristã”, disse o arcebispo.


O arcebispo ressaltou que não é contra o comércio e reconhece a necessidade da geração de empregos, mas pediu mais respeito à fé cristã. “Parece que a cada ano estamos optando por desprezar o sagrado, relegando a fé a um terceiro plano. Quando desprezamos a Deus, colhemos graves consequências”, advertiu o arcebispo.
Além de usar a internet para pedir aos fiéis que não façam compras, o padre Ricardo também tem orientado durante as celebrações que o feriado religioso não foi criado para lazer. “Não é dia de viajar para a praia, para resorts ou eventos de diversão. Para os católicos é dia de ir para a igreja participar das celebrações com a comunidade”, completa o padre.
0 comentários via Blogger
comentários via Facebook

Footer

Tecnologia do Blogger.